Como Diminuir a Vontade de Urinar Toda Hora | Bigfral

Home  »  Saúde   »   Como diminuir a vontade de urinar toda hora

Como diminuir a vontade de urinar toda hora


Como diminuir a vontade de urinar toda hora

6 meses atrás / 8 min de leitura

Como diminuir a vontade de urinar toda hora é um mantra que as pessoas acometidas pela incontinência urinária buscam sempre para obter uma solução.

O que faz as pessoas sentirem vontade de urinar a todo momento é o sintoma da bexiga hiperativa, uma vez que essas pessoas têm frequentemente descontrolada vontade de urinar, que pode ser tão forte que nem sempre conseguem segurar a urina. Essa é uma doença corriqueira. Mulheres com mais de 40 anos são mais afetadas do que homens.

Para pessoas acometidas pode ser estressante devido às frequentes idas ao banheiro. No entanto, essa condição ainda é um tema tabu, pois os afetados ficam com vergonha e adiam a consulta médica e, consequentemente, o tratamento.

Conheça neste artigo os possíveis motivos que levam a vontade frequente de ir ao banheiro, tratamentos e a importância de procurar um especialista.

Não consigo segurar a urina o que pode ser?

O sintoma de não conseguir controlar a vontade de urinar está ligada à incontinência urinária e é preciso entender o motivo para chegar a um diagnóstico. Bexiga hiperativa  é oimpulso nervoso mal direcionado sinalizando para o cérebro que a bexiga atingiu seu nível máximo de enchimento, causando vontade de urinar. Para isso, existem diferentes causas: condições médicas anteriores ou certos medicamentos podem ser responsáveis ​​pelo problema da bexiga.

Consequentemente, uma discussão detalhada com um médico especializado e um exame completo são cruciais para descartar outras doenças, como infecções do trato urinário, cálculos renais ou na bexiga ou doenças graves, como tumores.

Qual o intervalo de tempo normal para urinar?

Como diminuir a vontade de urinar toda hora

A maioria das pessoas precisa usar o banheiro cerca de 4 a 6 vezes, principalmente durante o dia. Normalmente, os adultos eliminam entre 0,7 e 3 litros de urina por dia. O aumento da produção de urina pode significar:

  • Excreção de uma quantidade aumentada de urina;
  • Quantidade normal de urina, com micção frequente;
  • Ambos

A micção frequente pode ser acompanhada por uma forte necessidade de urinar. Percebida principalmente pelas pessoas afetadas porque elas têm que se levantar à noite para ir ao banheiro. A noctúria também pode ocorrer por beber muito líquido antes de dormir, mesmo que a ingestão geral não exceda a quantidade normal.

O que é incontinência urinária?

O termo incontinência urinária (fraqueza da bexiga, perda de urina, perda de urina) descreve a perda involuntária de urina devido a algumas doenças na bexiga e seus mecanismos de oclusão.

A perda involuntária de urina pode ter várias causas. Consequentemente, é feita uma distinção entre várias formas, tais como incontinência de esforço, incontinência de urgência, incontinência reflexa, incontinência por transbordamento e incontinência extra uretral.

Para muitos pacientes, a incontinência urinária ainda é um assunto tabu, que – principalmente por vergonha – não é discutido com o ginecologista ou apenas com muita relutância.

Mulheres grávidas, pessoas com excesso de peso ou mulheres com músculos do assoalho pélvico fracos sofrem desta doença com frequência.

Com uma infinidade de métodos de tratamento diferentes, a cura, ou pelo menos uma melhora significativa da condição, é possível em muitos casos hoje em dia.

Por meio de exercícios direcionados, as mulheres podem fortalecer os músculos do assoalho pélvico e, assim, prevenir a incontinência até certo ponto.

Quais os tipos de incontinência urinária?

Algumas das causas do aumento da micção são diferentes daquelas que estão por trás do desejo frequente de urinar. No entanto, como muitas pessoas cujos corpos produzem urina excessiva também apresentam micção mais frequente, esses dois sintomas costumam ser testados juntos.

As causas mais comuns da vontade frequente de urinar são: 

  • Infecções da bexiga (a causa mais comum em mulheres e crianças);
  • Incontinencia urinaria;
  • Aumento não canceroso da próstata (hiperplasia benigna da próstata – a causa mais comum em homens com mais de 50 anos);
  • Pedras no trato urinário.

As causas mais comuns em adultos e crianças são:

  • Diabetes mellitus mal controlado / não controlado;
  • Beber muito líquido;
  • Diabetes insípido;
  • Uso de diuréticos ou substâncias (que aumentam a quantidade de urina excretada) como álcool ou cafeína. O diabetes insípido causa essa condição devido a uma interrupção na produção do hormônio antidiurético. Os hormônios antidiuréticos ajudam os rins a absorver os líquidos. Se for produzida uma quantidade insuficiente desse hormônio antidiurético ou se os rins não forem capazes de responder adequadamente a esse hormônio, o excesso de urina será excretado;
  • Pessoas com certas doenças renais também podem urinar em excesso porque essas doenças também reduzem a quantidade de líquido que os rins absorvem.

Os sinais de alerta em pessoas que urinam excessivamente incluem:

  • Fraqueza das pernas;
  • Febre e dores nas costas;
  • Suores noturnos, tosse e perda de peso, especialmente em fumantes pesados;
  • Transtorno de saúde mental.

Existem diferentes tipos de incontinência urinária, cada um com diferentes sintomas e causas. Aprenda mais sobre os cinco tipos a seguir:

1 – Incontinência de Esforço

Caracterizado pela perda de urina durante atividades como tossir, espirrar, rir, pular ou levantar. 

Causas: gravidez, parto, menopausa, radiação pélvica, trauma cirúrgico, obesidade, esforço físico.

2 – Incontinência de Urgência

É caracterizado pelo impulso incontrolável de urinar com e sem perda de urina.

Causas: possivelmente relacionado a gravidez, parto, menopausa, lesões pélvicas e condições neurológicas como Parkinson e esclerose múltipla.

3 – Incontinência combinada 

Caracterizada pela combinação de estresse e incontinência de urgência.

Causas: combinação das causas típicas de estresse ou incontinência de urgência listadas acima.

4 – Incontinência de transbordamento

É o gotejamento regular de urina devido à micção ineficiente com sintomas semelhantes aos da incontinência urinária de esforço.

Causas: a maioria inclui lesões da medula espinhal, diabetes, danos neurológicos, Parkinson, esclerose múltipla ou aumento da próstata

5 – Incontinência funcional

Caracterizado pela perda de urina não relacionada a qualquer condição médica ou problema com a bexiga ou trato urinário.

Causa: em conexão com deficiências físicas ou mentais, como incapacidade de se mover, doença de Alzheimer ou ferimentos na cabeça.

Existe tratamento para a incontinência urinária?

A melhor maneira de tratar a micção excessiva é tratar a doença subjacente. Por exemplo, o diabetes mellitus é tratado com dieta, exercícios e injeções de insulina ou medicação oral. Em alguns casos, reduzir o consumo de café e álcool pode reduzir a micção excessiva. Pessoas que têm problemas para acordar à noite porque urinam (noctúria) podem precisar reduzir a ingestão de líquidos antes de dormir.

Crianças que urinam à noite (fazer xixi na cama) também podem ser tratadas com terapia motivacional, na qual são recompensadas por comportamentos que reduzem o xixi na cama (por exemplo, adesivos em um calendário quando vão ao banheiro antes de dormir). Quando a terapia motivacional não funciona, os sinais de alarme podem ser tentados para indicar a micção. Se outras medidas falharem, o médico pode prescrever remédios oral para controlar a sede excessiva e a micção.

O médico assistente também pode alterar a dose do diurético responsável pela micção excessiva. Adultos com noctúria podem ser tratados com relaxantes urinários e medicamentos para prevenir espasmos urinários. Casos resistentes também podem ser tratados com desmopressina.

Agora, quando falamos de incontinência urinária, o melhor tratamento são os exercícios de fortalecimento pélvico.

Como diminuir a incontinência urinária?

Quanto mais cedo você tiver os sintomas tratados, melhores serão as chances de recuperação. A terapia depende da causa diagnosticada pelo médico especialista. Se houver infecções repetidas da bexiga, várias medidas ajudam a prevenir novas infecções. Se houver flacidez na bexiga ou vagina, isso pode ser remediado por meio de um procedimento cirúrgico. A terapia comportamental, na qual os pacientes aprendem a adiar a vontade de urinar, também pode ser aconselhável. A incontinência urinária geralmente pode ser tratada bem com medicamentos, mas antes o médico vai induzir os tratamentos de fortalecimento. Conheça:

Exercícios pélvicos

Músculos do assoalho pélvico bem treinados podem neutralizar a micção involuntária. O assoalho pélvico é responsável por manter a bexiga fechada e apoiada. Como resultado da gravidez, obesidade ou idade, os músculos do assoalho pélvico afrouxam. Os órgãos circundantes pressionam a bexiga com muita força. Como resultado, os esfíncteres não suportam esforços, espirros ou risos e pode ocorrer micção. O treinamento direcionado e regular do assoalho pélvico ou da bexiga pode neutralizar isso.

O estresse e a tensão emocional afetam a bexiga e fazem com que ela ataque quando a quantidade de urina está baixa. Além disso, uma bexiga hiperativa é um fardo adicional. O medo constante de encontrar um banheiro a tempo e possivelmente de não poder obedecê-lo estressa a mente e a bexiga.

Aprenda técnicas especiais de relaxamento e exercícios respiratórios que o acalmaram em situações estressantes. A ioga também é útil para acalmar e relaxar. Certifique-se de ter fases de recuperação suficientes para usar apenas para você mesmo.

Sua bexiga hiperativa é perceptível, mas não há banheiro por perto? Claramente, uma situação estressante. Em primeiro lugar, tente ficar calmo. O estresse adicional ou até o pânico podem tornar a vontade de urinar ainda pior. Portanto, respire profundamente algumas vezes. Então, as dicas a seguir podem ajudar a acalmar sua bexiga hiperativa:

  • Contraia o assoalho pélvico: isso sinaliza para a bexiga parar de urinar. O músculo da bexiga então relaxará;
  • Incline-se para a frente: Incline-se para a frente com a parte superior do corpo – semelhante a amarrar os sapatos. O movimento mudará sua bexiga, o que ajudará a aliviar a sensação de urgência;
  • Pressão no períneo ou clitóris: este truque é particularmente útil quando o desejo é particularmente forte. Basta pressionar o períneo ou clitóris com uma das mãos. Também ajuda a cruzar as pernas. A pressão acalma a bexiga. Como alternativa, você pode aumentar a pressão sentando-se na beirada de uma cadeira dura.

Chás

Existem diversos chás que são utilizados para o controle da urina solta, como uma forma de tratamento caseiro para a IU. Embora seja comum, o ideal é sempre buscar por orientação médica para ingestão de chás ou mesmo remédios para o tratamento da condição. 

Alimentação balanceada

Frutas e vegetais vermelhos e verdes escuros, como pimentão, cenoura ou couve, contêm uma grande quantidade de pró-vitamina A, que fortalece a membrana mucosa da parede da bexiga, pois estimula anticorpos e, portanto, apoia o sistema imunológico. 

Os mirtilos também são bons para a saúde da bexiga, pois têm propriedades antibacterianas e evitam que as bactérias adiram à parede da bexiga. Seja na forma de comprimido, suco ou cru – você deve comer os pequenos frutos vermelhos se você tem lutado repetidamente com infecções do trato urinário.

Melhores produtos para incontinência urinária

Melhores produtos para incontinência urinária

A Bigfral Moviment tem uma linha desenvolvida para garantir proteção contra vazamentos, as fraldas a partir de sua cintura elástica e suas barreiras antivazamento que promovem mais segurança. Pensada para atender especialmente consumidores ativos que tenham incontinência urinária de nível moderado a intenso; o produto é prático de vestir, pois possui formato de roupa íntima, oferecendo conforto e discrição.

Roupas íntimas

Conta com a tecnologia Ultrasec, um sistema de máxima absorção que mantém a pele seca por meio de uma rápida distribuição da urina, além de possuir neutralizador de odores.

Roupas íntimas femininas
Absorventes moviment

Absorventes

Já os absorventes da marca são itens indispensáveis para o dia a dia, permitindo liberdade e discrição.

Confira também nosso artigo: Incontinência urinária (O que fazer?)

Conte sempre com a Bigfral Moviment 

Muitas pessoas se sentem desconfortáveis ​​ao falar com seu médico sobre problemas de incontinência urinária. No entanto, como algumas condições que causam micção excessiva são bastante graves, as pessoas afetadas devem consultar um especialista, pois o tratamento pode ser ideal para cura ou melhora do quadro.

E para manter a qualidade de vida durante esse processo a Bigfral Moviment garante produtos adequados para que a pessoa acometida tenha uma vida normal novamente em sociedade vivendo seus dias com liberdade, discrição e segurança para realizar as atividades.

Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários
0
Por favor, comente.x
()
x