Tempo do puerpério | Bigfral

Home  »  Mulheres   »   Tempo do puerpério

Tempo do puerpério


Tempo do puerpério

9 meses atrás / 4 min de leitura

A maternidade é uma experiência significativa e transformadora para uma mulher. Quando o tão esperado momento do nascimento do bebê finalmente chega, inicia-se uma jornada repleta de emoções, desafios e descobertas, conhecida como puerpério, ou período pós-parto.

Nessa fase, é comum que a mulher se sinta cansada devido a intensidade do parto, mas, ao mesmo tempo, é invadida por um sentimento de amor e conexão com o seu bebê. O vínculo afetivo entre mãe e filho é fortalecido por meio do contato pele a pele, da amamentação e do olhar carinhoso e atento da mãe para o seu pequeno ser. Nesse texto vamos explorar melhor o assunto do puerpério e da maternidade.

O que é puerperio?

O puerpério, também conhecido como o período pós-parto, é uma etapa importante na vida de uma mulher após o nascimento do seu bebê. Durante essa fase, o corpo se recupera das mudanças que ocorreram durante a gestação e do próprio parto. O útero, por exemplo, que estava expandido para acomodar o crescimento do bebê, retorna ao seu tamanho normal por meio da involução uterina. 

Nesse período, a mulher pode ter sangramento vaginal, conhecido como “loquiação”, que é uma mistura de sangue, muco e resquícios de tecido uterino. Essa fase, que dura aproximadamente seis semanas, é marcada por uma série de transformações físicas, emocionais e sociais, exigindo cuidados específicos para garantir a saúde e o bem-estar tanto da mãe quanto do recém-nascido.

Importância do cuidado pós-parto

O puerpério traz consigo uma série de novos desafios e ajustes na rotina da nova mãe, como as noites mal dormidas e a responsabilidade de cuidar do bebê recém-nascido. Essas tarefas podem ser a origem para quadros de estresse e de ansiedade, bem como de insegurança. Nesse momento, o apoio emocional e prático da família e amigos é fundamental para que a mãe se sinta acolhida e amparada, além de ter momentos para descansar e ter  um sono adequado, recuperando sua força e vitalidade.

Para o bebê, o cuidado pós-parto também é crucial para garantir seu crescimento e desenvolvimento saudável. Os primeiros dias e semanas de vida são fundamentais para estabelecer o vínculo afetivo entre o bebê e a mãe, o que influenciará positivamente seu desenvolvimento emocional e social ao longo da vida.

Fases do puerpério

Se divide em três fases, cada uma com características distintas a partir das transformações pelas quais a mulher passa: 

Fase imediata

Abrange as primeiras 24 horas após o parto. Nesse período, a mulher está sob os cuidados da equipe médica, que monitora sua recuperação pós-parto e a saúde do bebê. Nessas primeiras horas os sinais vitais da mulher começam a estabilizar.

Fase precoce 

Engloba os primeiros dez dias após o parto. Durante esse período, a mulher pode vivenciar as alterações físicas mais intensas, como a involução uterina e o sangramento vaginal conhecido como “loquiação”. As alterações hormonais ainda continuam, sendo importante ter atenção com a saúde e qualquer sintoma diferente.

Fase tardia 

Essa fase é a que antecede o término do puerpério, acontece do 10ª ao 45º dia de pós-parto. Nesse momento, muitas mulheres já se sentem mais adaptadas à nova rotina. É essencial que a mulher continue a cuidar da sua saúde física e emocional, buscando o acompanhamento médico e o suporte necessário para o seu bem-estar.

Dicas para lidar com o puerpério

Lidar com as mudanças físicas, emocionais e sociais pode ser desafiador, mas com algumas dicas, é possível atravessar esse momento com mais tranquilidade e confiança.

Aceitar e adaptar-se às mudanças físicas e emocionais

Durante o puerpério, é normal experimentar uma gama de emoções, desde alegria e felicidade até ansiedade e oscilações de humor. É importante entender e aceitar que esse processo faz parte do processo de adaptação à maternidade e buscar expressá-los de maneira saudável, conversar com familiares, amigos ou profissionais de saúde pode ajudar nessa trajetória.

Buscar suporte e compartilhar experiências com outras mães

Procure informações sobre o puerpério, a amamentação e os cuidados com o bebê em fontes confiáveis, como profissionais de saúde ou grupos de apoio à maternidade. Outras mães podem ter muito a contribuir compartilhando suas experiências. Conhecimento é poder e se sentir segura e informada pode ajudá-la a enfrentar essa fase com mais confiança

Priorizar o autocuidado e descanso adequado

Reserve momentos para você, mesmo que sejam breves. Pratique atividades que lhe tragam prazer e relaxamento, como ler um livro, meditar, fazer uma caminhada ou simplesmente tomar um banho demorado. O autocuidado é essencial para recarregar as energias e se sentir mais equilibrada. Lembre-se da importância de cuidar da sua saúde física e emocional. 

Cuidados e acompanhamento durante o puerpério

Após o parto, é fundamental contar com suporte médico para que a mãe e o bebê receba os cuidados adequados para ambos vivenciarem esse momento de forma mais tranquila e segura. O cuidado pós-parto deve começar já na maternidade, com a equipe médica monitorando a saúde da mãe e do bebê. É o momento perfeito de tirar dúvidas sobre cuidados com o bebê.

Outro ponto importante é o aleitamento materno, um aspecto fundamental do puerpério. Porém, as primeiras semanas podem ser desafiadoras, nesse momento é importante orientação de profissionais de saúde para a mulher estabelecer uma amamentação bem-sucedida.

Durante a recuperação pós-parto, é comum que ocorra escapes de urina devido a recuperação física da mulher. Para passar por essa fase tranquila Bigfral oferece a roupa íntima descartável no estilo calcinha da nova linha Moviment. Ela é ideal para incontinência urinária, conta com absorção até 2x mais rápida, mantendo a umidade longe da pele, conferindo segurança e conforto no dia a dia, para curtir a maternidade sem mais preocupações.

Maternidade e puerpério: Uma jornada de amor e transformações

A maternidade é uma experiência transformadora, em que a mulher se torna não apenas mãe, mas também uma versão aprimorada de si. Os cuidados após o parto são uma oportunidade de autoconhecimento, de crescimento e de conexão com o seu bebê. Nessa jornada de aprendizado, a mulher se descobre mais forte e resiliente.

É importante lembrar que cada mulher é única, portanto, a maternidade também, e não há um caminho certo ou errado para ser mãe. Cada mulher vive a experiência de forma singular e a conexão entre mãe e filho é sempre especial e inestimável.

Se inscrever
Notificação de
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários
1
0
Por favor, comente.x

Entrar com e-mail e senha